Mensagem da Semana

E, eis que cedo venho, e o meu galardão está comigo, para dar a cada um segundo a sua obra. Apocalipse 22:12

PACTO PELA PAZ

PACTO PELA PAZ

sexta-feira, 25 de novembro de 2016

Soliney começa a ser descartado... E Américo se torna o próximo alvo da subserviência de bajuladores



Faltando menos de dois meses para ao fim de seu mandato, o prefeito de Coelho Neto Soliney Silva (PMDB), já começa a sentir na pele o significado da palavra traição, desprezo e rejeição por parte de quem ele menos esperava.

Após a derrota de seu sucessor, Jademil Gedeon, o centro das atenções passou a ser o petista Américo de Sousa. Alguns já se apresentam na intenção de previamente ludibria-lo, dando uma de vítimas e de bons moços, ao demonstrar um incomensurável, incubado e antigo apreço ao projeto do sindicalista.

Mas, o cúmulo de tudo, é ver as mais variadas e dissimuladas posturas, a ponto de criarem fatos para se achegar ao novo mandatário. Alguns que sempre foram detratores e avessos ao PT, aproximam-se na maior cara-de-pau ao petista Américo de Sousa. Ridiculamente, exímios bajuladores de Soliney, agora se apresentam como defensores da causa petista... repudiando-o.

Soliney sempre soube que estava rodeado de traidores, porém o que é mais triste e até desprezível é ver soldados de suas trincheiras, se alto justificando ao dizer que só estavam ao lado do peemedebista por falta de opção e por serem coagidos a ponto de não terem escolha e somente agora, depois de quase oito anos de pão e água fresca, e de pura mamata, passam a mostrar as “unhas” e se revelam contra, desprezando-o como se ele fosse descartável.

A verdade é que por medo de perderem a velha e costumeira vaca leiteira, nunca tiveram coragem de se manifestar contra o prefeito, vendo a existência de uma possível possibilidade de participarem do novo governo, apostam tudo!

Existe um problema... O fato é que eles esquecem que se Américo os absorver, tornará a cara da nova e esperada gestão, a mesma cara do governo de Soliney.

Os amigos do poder (Aqueles que sempre são situação), já correm léguas atrás do futuro prefeito pois sabem que não conseguem sobreviver, senão debaixo do jugo humilhante de uma subserviência atrelada a vantagens.

Será que?!?...

Américo descaracterizará seu governo e baixará a guarda, cometendo o erro em absorver, ao invés de lançar fora, algumas dessas maçãs podres vindas do pomar de Soliney?

O influente Soliney Silva (fiel escudeiro da família Sarney), depois de traído e após perder seu grupo e a prefeitura, morrerá politicamente ou ressurgirá das cinzas?


O erro de alguns é pensar que Américo é ingênuo e que Soliney já está enterrado. 



Nenhum comentário:

Postar um comentário