MAIS OBRAS

MAIS OBRAS

Mensagem da Semana

E, eis que cedo venho, e o meu galardão está comigo, para dar a cada um segundo a sua obra. Apocalipse 22:12

segunda-feira, 7 de agosto de 2017

Sindicato Patronal: Américo defende com unhas e dentes o “presidente e a diretoria” do SINTASP, entenda o porquê!

Prefeito Américo de Sousa do PT e atual presidente do SINTASP, 
Lima Junior, eleito por Américo 
Em toda a trajetória de vida do titular deste portal de notícias, nunca tivemos a oportunidade de presenciar tamanho despautério misturado com cinismo, igual ao que ouvimos sendo proferido pelo próprio prefeito no programa de rádio neste sábado (05), vindo de alguém que se intitulava defensor dos servidores públicos e ao tentar monopolizar tudo e todos a seu favor.

Descaradamente, e com receio de perder o controle da direção do SINTASP, Américo, defende com unhas e dentes o presidente e a diretoria como legítimos representantes seu (Américo) e não dos associados.

A entrevista foi simplesmente para tentar criar a todo custo fatos descabidos para descaracterizar o movimento que a cada dia se arregimenta e não possui cunho político, e sim nascido da insatisfação por parte dos associados em não aceitar a postura da direção sindical que favorece apenas as vontade do prefeito.

Tais posturas estratégicas, vem dando certo para o prefeito, que comprova a sua força centralizadora tendo a "seus pés" o domínio subjugador das maiores forças sindicais da cidade e seus respectivos sindicatos a preço de banana como:

SINTASP – Presidente (Fiel escudeiro e antigo Aliado)

SINTRIAD – Presidente (Parentes empregados na prefeitura)

SIMPACEL– Presidente (Genro subjugado, filha com emprego, irmãos e irmãs empregados na prefeitura)

SIN. RURAL – (Vice-prefeito e parentes e parte do sindicato como funcionários na folha da prefeitura)

CÂMARA – Presidente (Fiel escudeiro, com poderes limitados pelo Prefeito)

Já o SINTASP-MCN não auxilia mais em nenhum tipo de causa que possa gerar um embate com o governo municipal, comprovando falta de empatia. Desconversando o assunto, e deixando o servidor público a deriva, e em situações corriqueiras que se tornam cotidianas, fatores como estes comprovam a veracidade que “presidência e diretoria” atual do SINTASP não responde pelo sindicato, mas estão para driblar os servidores a pedido de Américo.

Ao passo que se encontra, se os associados não despertarem desta sonolenta acomodação e conformismo, perderão os poucos direitos adquiridos e voltarão a viver os mais nefastos pesadelos por não terem mais a quem recorrer legalmente.

Se ele não é dono, então por que não se afasta do assunto deixa o presidente se virar e respeita a posição dae uma parte da categoria que permanecem insatisfeitos com a atual direção?


Se isto não for corrigido agora, depois será irreversível! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário