Mensagem da Semana

E, eis que cedo venho, e o meu galardão está comigo, para dar a cada um segundo a sua obra. Apocalipse 22:12

PACTO PELA PAZ

PACTO PELA PAZ

segunda-feira, 29 de agosto de 2016

Do porquê Eliziane Gama se tornou o alvo dos adversários…

Bombardeada pelas estruturas de dois candidatos – um que tenta se manter à frente da disputa e outro que quer superá-la para chegar ao Segundo Turno – candidata do PPS tem sido a mais agredida, vilipendiada e covardemente atacada na campanha eleitoral de São Luís

Eliziane Gama: o alvo a ser atingido nesta campanha
Eliziane Gama: o alvo a ser atingido nesta campanha

A deputada Eliziane Gama, candidata do PPS à Prefeitura de São Luís, passou a ser uma espécie de vidraça nas eleições de São Luís.


Carismática, simpática, com história de vida inigualável, ela tem uma trajetória de vida na política que fala por si só. 

Por isso mesmo, tem presença garantida em um eventual segundo turno na capital; e também por isso, ela vence qualquer adversário em uma segunda rodada de votações.

Destruir Eliziane antes que ela se consolide, portanto, passou a ser o principal objetivo dos dois candidatos que disputam com ela a presença no segundo turno.

De um lado, um candidato que tenta se manter nas primeiras colocações. Do outro, um ex-aliado que precisa ultrapassá-la para garantir sobrevida eleitoral.

Com objetivos idênticos, os dois montaram um verdadeiro arsenal de bombardeio na candidatura de Eliziane, com jornalistas, pseudo-jornalistas, jornalistas-calças-curtas e aprendizes de jornalistas de toda sorte, contratados a peso de ouro para atacar a candidata dia e noite, seja qual for o motivo.

As duas estruturas se voltam contra Eliziane gerando factoides diários, levantando questionamentos os mais absurdos, tentando colar nela imagens e perfis que ela nunca teve e nunca terá, pela própria estrutura de vida que decidiu seguir.

A disputa é salutar em uma campanha política, mas os ataques a Eliziane superaram o limite do covarde.

Eliziane passou a ser a candidata a ser batida neste primeiro turno.

Mas é quase impossível que ela não vá para o segundo turno, já que carrega as características de confiança e experiência tão exigidas pelo eleitor.

Quem vai com ela é que ainda não está definido.

Por isso a covardia dos adversários contra ela…

Nenhum comentário:

Postar um comentário