Mensagem da Semana

E, eis que cedo venho, e o meu galardão está comigo, para dar a cada um segundo a sua obra. Apocalipse 22:12

ANTES NÃO TINHA, AGORA TEM!

ANTES NÃO TINHA, AGORA TEM!

quinta-feira, 26 de abril de 2018

ABSURDO: FAMÍLIAS PODEM PERDER O BOLSA FAMÍLIA EM COELHO NETO - MA

Foto: Reprodução
Famílias cadastradas ao Programa Bolsa Família em Coelho Neto (MA) estão preocupadas com a possibilidade de terem o benefício suspenso ou cancelado diante das possibilidades de descumprimento dos requisitos exigidos para receber o auxílio. A culpa seria a falta de compromisso da prefeitura para com a educação.

O governo exige que algumas regras sejam cumpridas pelas famílias beneficiadas, tais como: Crianças e adolescentes com idade limite de até 15 anos devem ter frequência escolar de pelo menos 85% enquanto adolescentes entre 16 e 17 anos devem ter frequência escolar de no mínimo 75%.

Ocorre que o município, conforme os comentários até mesmo dentro da prefeitura, não estaria cumprindo com suas obrigações. O ano letivo começou com atraso e com imposição da diminuição da carga horária. Em algumas escolas as aulas ainda nem começaram. 

O comprometimento da estrutura física dessas unidades de ensino, associada à falta do transporte escolar e a vergonhosa diminuição da carga horária oficial são compulsões que estão tirando o sono de famílias cadastradas.

As falhas no gerenciamento de algumas escolas em funcionamento é outra atenuante. Fato mais recente indica que a escola Leozinho Sabido passou o turno matutino inteiro sem aula porque o vigia havia sumido com as chaves daquele estabelecimento.

Importante frisar que o programa Bolsa Família tem como meta garantir a essas famílias o direito à alimentação e o acesso à educação​ e à saúde. É um programa social, criado pelo Governo Federal para superação da pobreza e inclusão econômica e social das camadas mais pobres da sociedade brasileira.

Nesses dois aspectos, o município também é muito ineficiente. Prova disso é a merenda escolar insuficiente e sem as características nutricionais básicas e um sistema de saúde falido. (Informações do blog do Milton Vieira)

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário